Suspeitos de Pernambuco, Bahia e São Paulo são presos acusados de participação na explosão do carro-forte na CE 060 - Portal de Notícias CE

 


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria


TV Portal

 


quinta-feira, 8 de julho de 2021

Suspeitos de Pernambuco, Bahia e São Paulo são presos acusados de participação na explosão do carro-forte na CE 060

Com o trio, preso pouco mais de 24 horas depois do crime pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), foram apreendidas sete armas de fogo

Em uma resposta rápida à ação criminosa registrada contra um veículo de uma empresa de transporte de valores, na cidade de Piquet Carneiro, a Polícia Militar do Ceará (PMCE) efetuou as prisões de três suspeitos oriundos de outros estados brasileiros. Com o trio, seis armas de fogo foram apreendidas. As informações foram divulgadas em coletiva de imprensa realizada na manhã desta quinta-feira (8), na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em Fortaleza.


Desde o momento do ocorrido, na terça-feira (6), equipes da Polícia Militar do Ceará (PMCE), da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS realizavam buscas pela região. Os trabalhos policiais contaram ainda com a Coordenadoria de Inteligência da SSPDS e com a utilização do Sistema Agilis e do Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia).


Por meio de diligências ininterruptas, a Companhia de Operações de Divisas (COD) do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) da PMCE identificou que um veículo de modelo Toyota Corolla, que teria sido utilizado na empreitada criminosa, estava em deslocamento em direção à cidade do Crato. Um rápido cerco foi realizado na área, o que resultou na identificação do veículo em uma localidade próxima à “Rotatória das Batateiras”, já no Crato, onde os policiais militares especializados abordaram o veículo.

Em seu interior estavam dois homens e uma mulher. Com eles, três espingardas, dois revólveres e uma pistola, além de 29 munições de calibres variados, 15 emulsões de explosivos e dez metros de cordel detonante foram apreendidas. No dia do crime, os profissionais de segurança já haviam apreendido explosivos utilizados no crime. Em depoimento, os suspeitos confessaram participação na tentativa de roubo ao carro-forte. Ao verificar a origem dos suspeitos, os policiais militares constataram que um deles é natural da cidade de Afrânio, em Pernambuco; Outro é de Guarulhos, em São Paulo; e a mulher de Paulo Afonso, na Bahia.

O trio foi conduzido à sede da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), em Fortaleza (CE), onde foi autuado em flagrante pelo crime de roubo majorado pelo concurso de pessoas, com o emprego de armas de fogo e mediante o emprego de explosivo, além de associação criminosa. As buscas seguem na região com o objetivo de localizar outras pessoas envolvidas. As investigações são conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e também pela Delegacia Regional de Senador Pompeu.

Denúncias 

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

As informações podem ser direcionadas ainda para os números (85) 3101-1141 e (88) 3449-1324, da DRF e Delegacia Regional de Senador Pompeu, respectivamente. A DRF ainda conta com um número de WhatsApp para recebimento de informações: (85) 3101-1142. O sigilo e o anonimato são garantidos.

SSPDS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

 


Páginas