Sargento da Polícia Militar do Ceará tem alta após 101 dias internado com Covid-19 no HRSC - Portal de Notícias CE

 


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria


TV Portal

 


quinta-feira, 17 de junho de 2021

Sargento da Polícia Militar do Ceará tem alta após 101 dias internado com Covid-19 no HRSC

Foto: Isabelle Azevedo

 A emoção tomou conta do Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), nesta quarta-feira (16). O sargento da Polícia Militar do Ceará (PMCE) Francisco Fábio Melo Lobo, de 41 anos, recebeu alta hospitalar após 101 dias de internação em decorrência da Covid-19.


Lobo celebrou a alta com a equipe multiprofissional da unidade e, em seguida, foi recepcionado pela família e por colegas de profissão ao som da Banda da PMCE. Sob a regência do subtenente Rocha, o grupo tocou músicas como o “Hino da vitória”, canções religiosas e homenageou os profissionais da Saúde com “Aquarela do Brasil”.

Residente do município de Maranguape, a 228 km de Quixeramobim, Lobo chegou ao HRSC em estado crítico, ficando quase dois meses internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)-Covid. Ele precisou ser traqueostomizado, ficando dependente de suporte de oxigênio e com mobilidade reduzida.

“Se estou saindo vivo hoje, primeiro é pela graça de Deus, e segundo é pela competência da equipe do HRSC. Vocês são muito competentes. Esse hospital é uma casa de milagres. Vou agradecer pelo resto da minha vida, da minha nova vida”, afirma emocionado.

Fábio Melo chegou ao HRSC em estado crítico, ficando quase dois meses internado na UTI-Covid

A comerciante Mara Cristina acredita que o suporte hospitalar foi fundamental para a recuperação do seu marido. “Era tudo muito difícil. Mas com a ajuda de Deus e dos médicos, desse hospital maravilhoso, ele foi melhorando, melhorando. A equipe é maravilhosa. A gente só tem a agradecer ao hospital, que foi excelente em tudo, Eu acho que ele não tinha outro lugar pra ir, se não fosse aqui, né?”, pontua.

A fisioterapeuta do HRSC Patrícia Rodrigues define como vitoriosa a saída de Lobo. “É uma vitória muito grande vê-lo da maneira como a gente viu quando ele chegou aqui e agora como ele está saindo. Está totalmente consciente, orientado, fazendo suas atividades normais e se alimenta sozinho. Continuamos na torcida pela reabilitação e estamos felizes por estar devolvendo o paciente ao seu lar nesse estado”, diz.

Para Lobo, a certeza agora é de começar uma vida nova. “Aproveitar o máximo e da maneira mais proveitosa, fazendo tudo certo. A gente muda mesmo a concepção de vida. Essa é uma experiência que muda a vida da pessoa”.

Assessoria de Comunicação do HRSC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

 


Páginas