Seleção para agentes sociais do Cartão Mais Infância inicia nesta quinta-feira (13) - Portal de Notícias CE

 


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria


TV Portal

 

terça-feira, 11 de maio de 2021

Seleção para agentes sociais do Cartão Mais Infância inicia nesta quinta-feira (13)

ddd Foto

 O atendimento às famílias beneficiárias do programa Cartão Mais Infância Ceará ganhará um reforço em breve. O Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos, abre inscrições para a seleção de 184 bolsistas para atuarem como agentes sociais do programa. Serão selecionados agentes para todos os municípios cearenses, com o objetivo de visitar as famílias beneficiárias e identificar as dificuldades na operacionalização do Cartão Mais Infância e trazer informações que possam melhorar essa política pública. As inscrições acontecem entre 13 e 23 de maio, exclusivamente de forma eletrônica. O formulário estará disponível apenas no dia 13, no link.


Segundo a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, o agente social do Programa Mais Infância Ceará será uma ponte entre o Governo do Estado e o município e vai apoiar as Prefeituras na busca ativa das famílias selecionadas para serem beneficiadas com o auxílio do Cartão Mais Infância e garantir que elas sejam contempladas com as políticas públicas tanto municipais quanto estaduais com o olhar intersetorial. “Focar nas famílias vulneráveis do Estado com crianças na primeira infância é promover equidade, garantindo oportunidades a quem mais precisa. Queremos melhorar a qualidade de vida, ampliar o acesso e qualificar os serviços para este público”, ressaltou.

A titular da SPS, Socorro França, destaca que esses bolsistas irão aproximar a política pública da comunidade, apoiando a SPS com informações sobre a situação sociofamiliar dos beneficiários e auxiliar na análise dos dados oriundos do Cartão. “Esses agentes nos ajudarão a ter um olhar mais completo sobre essas famílias. Estaremos próximos dos bolsistas, capacitando em temas relacionados ao Cartão Mais Infância e, assim, possibilitando uma visão ampla sobre as políticas públicas ofertadas às famílias em situação de vulnerabilidade social”, destaca.

Poderão se inscrever na seleção pessoas graduadas nas áreas de Serviço Social, Psicologia, Pedagogia ou Sociologia que estejam matriculados em cursos de pós-graduação, e que residam no município onde irão atuar. O processo de seleção ocorrerá em duas etapas. A primeira com a inscrição e avaliação do currículo, quando haverá uma pontuação das informações apresentadas. Os classificados que alcançarem sete pontos irão para a segunda fase, com entrevista, presencial ou remota, dos candidatos.

O secretário-executivo da Proteção Social, Francisco Ibiapina, destaca que boa parte do processo seletivo se dará de forma on-line, respeitando o distanciamento social e facilitando o acesso para todos os municípios. “No edital, os candidatos têm acesso a todas as fases e respectivas datas do processo seletivo. Com isso, eles poderão acompanhar e, esperamos, em julho, anunciar o resultado final”, observa.

De acordo com o edital, serão ofertadas duas bolsas: uma no valor de R$ 1.800 para 30 horas semanais e outra de R$ 1.200 para o cumprimento de 20 horas semanais. O benefício tem vigência de 12 meses, podendo ser prorrogado por outros 12.

Ascom SPS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

 


Páginas