Feira Virtual de Quixeramobim comemora 78 mil acessos no último ano - Portal de Notícias CE

 


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria


TV Portal

 

terça-feira, 25 de maio de 2021

Feira Virtual de Quixeramobim comemora 78 mil acessos no último ano



 Mesmo em meios aos desafios do isolamento social, os agricultores familiares se reinventam e se adaptam ao comércio virtual. Um bom exemplo desse jogo de cintura é a Feira Virtual da Agricultura Familiar de Quixeramobim, promovida pelo Instituto de Arte, Cultura e Lazer e Educação. No último ano, a iniciativa que conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, atingiu a marca de 78 mil acessos e já é considerado um sucesso que veio para ficar.


“A Feira veio para fortalecer o desenvolvimento social e econômico das famílias rurais e tem como objetivo gerar renda para comunidades e assentamentos rurais. Sempre com o cuidado de levar ao consumidor um produto saudável, de qualidade e que represente economia no momento em que todos enfrentam graves consequências econômicas”, sintetiza Gizélia Ribeiro, presidente do Iarte.

O evento é promovido todas as quartas-feiras por meio da página do instituto no Instagram. Acessando o portal iarte.org/feiravirtual, o cliente ainda confere as mais de dez categorias de produtos, como artesanato, bolos e doces, lanches, laticínios, hortifrutigranjeiros, temperos e ervas medicinais, e pode observar em tempo real todos os cuidados com as medidas sanitárias. “Estamos convictos que o caminho é a economia solidária e a convivência com o semiárido”, sustenta.

O secretário De Assis Diniz reconhece que, durante o período de pandemia, a proibição das feiras públicas criou empecilhos para o comércio dos produtos da agricultura familiar. Ainda assim, o gestor acredita que, com a mobilização das organizações da agricultura familiar, é possível chegar mais longe. “O comércio eletrônico é algo que veio para ficar, com ou sem pandemia, e o Governo do Ceará está atento para oferecer ajuda nessa transição”, explica.

Um dos exemplos desse incentivo foi a criação do Portal da Agricultura Familiar pelo órgão estadual. A partir dele, os trabalhadores e trabalhadoras rurais podem cadastrar, atualizar, anunciar e ofertar produtos agrícolas e dispor de um canal de comunicação direto com os consumidores cearenses. Hoje, a ferramenta se encontra acessível por meio do Ceará App. “É mais um estímulo do Governo do Ceará, para além da divulgação que já realizamos pelo site e redes sociais”, conclui.

Fonte: SDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

 


Páginas