6ªCia/3ºBBM retira anel preso em dedo de Senhora, na UPA de Canindé - Portal de Notícias CE

 


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria


TV Portal

 


terça-feira, 5 de janeiro de 2021

6ªCia/3ºBBM retira anel preso em dedo de Senhora, na UPA de Canindé



 Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), por meio da 6ªCia/3ºBBM, com sede em Canindé, por volta das 18h30 desta segunda-feira (4), removeu um anel que se encontrava preso no dedo de uma Senhora, há mais de 24 horas, na Área Integrada de Segurança 15 (AIS 15).


Os Bombeiros Militares de Canindé (6ªCia/3ºBBM)  foram acionados pelo médico plantonista da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Canindé, para a retirada de uma aliança que estava presa ao dedo de uma senhora de 26 anos de idade, vítima de queda. O dedo inchou, dificultando a retirada da aliança por meios usuais. Após a intervenção de nossa guarnição composta pelo: Cabo Barroso, Soldado R. Santos e Soldado Darlan a aliança foi retirada. Esta foi a  terceira ocorrência dessa natureza no início deste ano de 2021.

Todas as guarnições de Resgate e de Busca e Salvamento do Corpo de Bombeiros dispõem desse equipamento, além das unidades operacionais. Neste caso específico, a vítima foi direto a UPA de Canindé que acionou os Bombeiros Militares da 6ªCia/3ºBBM.

Segundo o Tenente-Coronel Anderson Viana, “situações como essa são corriqueiramente atendidas nos próprios quartéis do Corpo de Bombeiros. Muitas pessoas se encaminham diretamente às unidades da Corporação em busca de auxílio em casos semelhantes. No entanto, recomendamos que, primeiramente, quando possível, a vítima deverá deslocar-se a uma unidade de saúde mais próxima de sua residência para avaliação clínica. Somente após essa avaliação, que os bombeiros militares deverão atuar”. Ressaltou o Comandante de Bombeiros do Interior (CBI).

Tocador de vídeo
00:00
00:59

Em 2019 o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) atendeu 61 ocorrências de retirada de anel/aliança em dedo. Em 2020, até novembro, foram atendidas 102 ocorrências.

Vidas alheias e riquezas salvar!

Fonte: SSPDS / CBMCE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

 


Páginas