Oficina virtual discute alternativas do uso do fogo na agricultura - Portal de Notícias CE

 



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria

 


TV Portal

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Oficina virtual discute alternativas do uso do fogo na agricultura



 A Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e a Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Semiárido da Assembleia Legislativa promovem, dias 29 e 30 próximos, a oficina virtual sobre “Alternativas ao Uso do Fogo na Agricultura”, com foco na Caatinga e Mata Atlântica. Serão dois dias de trabalho, com duas atividades por dia. Qualquer pessoa pode participar on-line, basta acessar o link.


Trata-se de uma demanda dos próprios agricultores. O titular da Sema, Artur Bruno, reforça a importância do evento, “pois estes meses do ano, por conta dos ventos, existe favorecimento à deflagração de incêndios que podem comprometer nossas florestas”.

O primeiro encontro acontece na tarde desta quinta-feira (29), às 14h, quando a Associação Caatinga apresentará as riquezas e potencialidades da Caatinga. Em seguida, a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) coordena o painel “Impactos da Antropização do Bioma Caatinga” onde vai mostrar áreas degradadas e susceptíveis à desertificação, decorrentes de desmatamento e queimadas, no Ceará. O primeiro dia encerra com o painel temático, “A cultura do uso do fogo, nas atividades agrícolas”.

De acordo com Viviane Monte, da Coordenadoria de Desenvolvimento Sustentável (Codes/SEMA), será dividido em três etapas. “Convidados representando o Ibama, Semace e SEMA vão apresentar temas relevantes no contexto do uso do fogo na agricultura”, disse. “Vamos debater sobre licenciamento; aspectos legais; atividades agrícolas e não agrícolas que podem causar incêndios; responsabilidades; como diferenciar queimada controlada, de incêndio florestal, além de apresentar Programa de Prevenção, Monitoramento, Controle de Queimadas e Combate aos Incêndios Florestais (Previna)”, completa.

Na manhã de sexta-feira (30), às 9h, os trabalhos serão retomados e o primeiro painel vai tratar das práticas sustentáveis como alternativas ao uso do fogo na agricultura. “O objetivo é demonstrar que nos biomas Caatinga e Mata Atlântica, por meio do uso sustentável dos recursos naturais, é possível garantir a produção familiar”, explica.

Os facilitadores desta etapa do encontro virtual são técnicos da Embrapa e da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA). A oficina será encerrada com a apresentação de experiências bem-sucedidas nos dois biomas. Durante os dois dias de oficina, os internautas terão espaço para interagir com os facilitadores por meio de perguntas.

Ascom Sema


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas