Polícia Civil e PRF apreendem 800 kg de maconha em Caridade - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br

 



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria

 


Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

 

quinta-feira, 10 de setembro de 2020

Polícia Civil e PRF apreendem 800 kg de maconha em Caridade



 A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apresentaram os detalhes de uma abordagem policial, feita na noite de ontem (8), que resultou na apreensão de 800 quilos de maconha, duas pistolas 9mm e 1.400 cartuchos de munição. O material foi encontrado em um veículo, que foi abordado por agentes da PRF na rodovia federal BR 020, no município de Caridade, na Área Integrada de Segurança 15 (AIS 15). O flagrante foi lavrado na Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), em Fortaleza. As informações foram repassadas em coletiva de imprensa, na manhã desta quarta-feira (9), na sede da DCTD, no bairro de Fátima, com a presença do diretor do Departamento de Polícia Judiciária Especializada (DPJE), Márcio Gutierrez, do diretor da DCTD, Pedro Viana, e do chefe do Serviço de Operações (SEOP) da PRF no Ceará, Livio Sousa.

Os policiais rodoviários federais faziam policiamento na noite de ontem, pela rodovia federal BR 020, na altura do quilômetro 348, quando abordaram um caminhão baú com placas de São Paulo, para averiguar a situação do transporte. Na entrevista inicial, o motorista demonstrou nervosismo e entrou em contradição, já que o transporte de carga era grande, mas estava com o compartimento quase vazio. Diante da suspeita, os policiais conduziram o veículo e o motorista até o posto de fiscalização da PRF, em Canindé. No local, após uma busca minuciosa, eles encontraram um compartimento oculto no veículo. Ao abrirem, encontraram 982 tabletes de maconha, duas pistolas calibre 9mm, duas caixas contendo 1.400 munições de calibres .40 e 9mm e um acessório para converter pistola em carabina.

Os agentes da PRF levaram o transporte, as apreensões e o motorista para lavratura de flagrante na sede da DCTD, em Fortaleza. Os cães farejadores do Núcleo de Operações com Cães (NOC) da PCCE foram acionados também para verificar se havia outros compartimentos ocultos no transporte, mas não foram encontrados mais materiais ilícitos. Em depoimento aos investigadores da DCTD, o motorista, de 49 anos e natural do Estado de São Paulo, revelou que trazia o veículo da cidade de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. Segundo o suspeito, ele não tinha conhecimento do que levava no transporte. Após conclusão do procedimento, o homem foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Ao final da pesagem, foram contabilizados 800 quilos de maconha.

A DCTD mantém as investigações com o intuito de aprofundar as apurações sobre o destino final dos narcóticos no Estado, bem como a relação do investigado com grupos criminosos no Ceará. Em razão dos levantamentos policiais estarem em andamento, o nome do suspeito não será divulgado para não comprometer as investigações.

Trabalho em conjunto

A parceria entre a Polícia Civil e a PRF no combate ao tráfico de drogas no Ceará será intensificada nos próximos meses. Desde julho passado, o Departamento de Polícia Judiciária Especializada (DPJE), da qual a DCTD faz parte, e o Departamento de Inteligência Policial (DIP) acertaram detalhes e alinharam as estratégias do órgão estadual às do federal para fortalecer as ações contra organizações criminosas que atuam no tráfico de narcóticos no Estado. A colaboração entre as instituições já acontece de forma constante na inspeção de transportes e passageiros. Em blitze realizadas nos postos de fiscalização da PRF no Ceará, com uso de cães farejadores da DCTD.

Investigações

A Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) é a unidade especializada da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) em desarticular grupos criminosos que atuam com o comércio ilegal de drogas. Além dos 800 quilos apreendidos na PRF, em três dias, as forças policiais do Estado já apreenderam quase 5 toneladas de maconha, em operações em Aquiraz (4,021 toneladas), Fortaleza (55,45 quilos) e Milagres (137 quilos), nos dias 6, 7 e 8, respectivamente. E a Polícia Civil do Ceará é a responsável pelo aprofundamento dos trabalhos investigativos com objetivo de identificar a procedência dos ilícitos, o destino final, os suspeitos envolvidos nas ações criminosas, bem como desmontar a cadeia criminosa por trás da atividade ilegal.

Com as apreensões feitas nos últimos dias, o Estado já ultrapassou as 6,8 toneladas de maconha, crack e cocaína apreendidas e que tiveram procedimento feito nas unidades da Polícia Civil em todo o Estado. O número já coloca 2020, mesmo antes da conclusão do ano, como o ano com a segunda maior apreensão de entorpecentes na série histórica do Ceará.

A Polícia Civil conta com canais de comunicação direta de denúncias por meio dos quais a população pode compartilhar informações que tenha conhecimento acerca do tráfico de drogas no Ceará. As denúncias podem ser feitas para os números da DCTD: (85) 3472-1550 ou o WhatsApp (85) 98895-5749, por onde podem ser enviadas mensagens de texto,

Fonte: Ascom SSPDS / Governo do Estado do Ceará 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas