População deve acompanhar calendário de vacinação para manter caderneta em dia - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria



Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

sábado, 1 de agosto de 2020

População deve acompanhar calendário de vacinação para manter caderneta em dia

Foto: Fátima Holanda
Arte gráfica: Jeorge Farias

Estar com as vacinas em dia é uma das formas mais eficazes de evitar doenças como sarampo, gripe e hepatites do tipo A e B. A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) reforça a importância de a população acompanhar o calendário de vacinação 2020 para garantir a imunização.

O calendário informa as vacinas específicas destinadas a crianças, adolescentes, adultos, idosos e gestantes, de acordo com a faixa de idade. “Vacinar é preciso, pois é um ato de amor e responsabilidade. Precisamos manter o cartão de vacinação em dia. Você mantém sua família imunizada e livre das doenças imunopreveniveis. Lembre-se: vacinar é proteger!”, ressalta a Coordenadora Estadual de Imunização, Carmem Osterno.

Com exceção da gripe, todas as vacinas ficam disponíveis durante todo o ano, fora do período de campanhas. A população pode ter acesso à imunização na Atenção Básica, nos postos de saúde, e no Centro de Saúde Meireles, da rede estadual.

Além de garantir a proteção individual, a vacinação beneficia a saúde de toda a comunidade, pois alcança um efeito protetor. A tríplice viral, que protege contra o sarampo, é uma das vacinas mais importantes. A primeira dose deve ser tomada com um ano de vida.

Cobertura vacinal

As coberturas vacinais estimam a proporção da população alvo vacinada e protegida para determinadas doenças. Neste ano, o Estado do Ceará vacinou 99,62% da população prioritária contra a gripe, o que equivale a 2.881.490 pessoas imunizadas. A 22ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, iniciada em 16 de abril, aconteceu em três fases. Os grupos prioritários para vacinação foram contemplados conforme o cronograma estabelecido pelo Ministério da Saúde (MS). A estratégia de vacinação adotada durante a campanha é municipal.

Assessoria de Comunicação da Sesa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas