Fortaleza - Enfermaria Pediátrica do HM está há dois anos sem registro de infecções - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br

 



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria

 


Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

 

quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Fortaleza - Enfermaria Pediátrica do HM está há dois anos sem registro de infecções


A Unidade de Cardiologia Pediátrica do Hospital de Messejana Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, da rede pública da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), do Governo do Ceará, está há dois anos sem registro de pacientes com infecções em corrente sanguínea associadas a cateter venoso. A equipe do setor recebeu, da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) e do grupo gestor da unidade, o certificado de boas práticas relacionadas à prevenção de infecções.

Motivo de alegria entre os colaboradores, a conquista é reflexo do compromisso dos profissionais de saúde e da alta adesão aos protocolos de segurança do paciente. A cardiologista e chefe da enfermaria pediátrica do HM, Isabel Cristina Leite Maia, explica que, para alcançar o resultado, uma série de ações foram adotadas pela equipe.

“A lavagem das mãos, a manipulação correta do acesso, a atenção na hora de fazer os curativos e na hora do banho, por exemplo, estão entre os cuidados mantidos pelos profissionais de saúde para evitar o risco de infecções. Todas essas práticas refletem no bem-estar dos nossos pacientes”, explica.

A infectologista Tânia Mara Araújo, representante da CCIH do HM, também reforçou a importância do trabalho dos profissionais. “Muitos pacientes que chegam à enfermaria vêm com acesso por necessidade de receber a medicação. A manipulação desses acessos apresenta um alto risco de infecção. Esses profissionais fazem uma força tarefa em prol do sucesso do tratamento do paciente e da diminuição desses riscos. Isso contribuiu para que a enfermaria pediátrica do HM está há dois anos sem registrar infecções sanguíneas relacionadas ao acesso venoso”, comemorou a médica.

Parceria

Isabel Cristina também reforça a importância da parceria com o projeto Children’s Heart Link, uma Organização não Governamental em Seattle, nos Estados Unidos, que beneficia hospitais localizados em países em desenvolvimento com serviços na área da cardiologia pediátrica. “A parceria existe desde 2015. Eles incentivam a educação e saúde, reforçam os cuidados e a importância de a equipe passar por constantes treinamentos. Essa conquista também é deles”, acrescenta.

Fonte: Ascom HM / Governo do Estado do Ceará 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas