Coronavírus: robô tira dúvidas da população - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br

 



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria

 


Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

 

sexta-feira, 5 de junho de 2020

Coronavírus: robô tira dúvidas da população


Conversa humana é simulada por um software

 

Um robô virtual criado pelo Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), é o novo aliado na luta contra o coronavírus. O protótipo virtual responde às dúvidas da população sobre o vírus. Através de conversas on-line, a ferramenta fornece informações sobre prevenção e sintomas do novo do coronavírus. 

O software simula uma conversa humana, o que é capaz de aproximar os cidadãos, aumentando o conhecimento da população sobre o vírus. O assistente virtual tem objetivo de medir o grau de conhecimento das pessoas e compartilhar informações oficiais dos órgãos competentes, como o Ministério da Saúde. Dessa forma, contribui para evitar a propagação de fake news sobre o coronavírus

Chamado de Dr. Labimec, o robô está disponível em uma página do site do hospital universitário UFPB. Basta acessar o link e iniciar uma conversa com o assistente virtual. A ferramenta de inteligência artificial começou a ser produzida no fim de abril deste ano e foi testada por vários grupos de pessoas antes de ser colocada à disposição da comunidade.

Acesse o robô virtual aqui 

Por apresentar dados e informações do Ministério da Saúde, o robô cumpre um importante papel de prestação de serviço à sociedade. Além disso, evita que a população cometa erros que possam colocar a sua saúde em risco e possa tirar algumas dúvidas gerais antes de buscar atendimentos específicos. 

 

Onde se informar sobre o coronavírus

O Ministério da Saúde é o órgão responsável por fornecer as informações necessárias para a população sobre coronavírus e Covid-19. Além do site oficial, o órgão está disponibilizando um número de WhatsApp para envio de mensagens da população. Através do número (61) 99289-4640 é possível receber informações e apurar as que estão sendo compartilhadas. 

Site do Ministério da Saúde

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas