Saiba como evitar doenças respiratórias e Covid-19 no ambiente de trabalho - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br

 



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria

 


Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

 

segunda-feira, 16 de março de 2020

Saiba como evitar doenças respiratórias e Covid-19 no ambiente de trabalho

Arte gráfica: Kamile Façanha
O trabalho é um local onde doenças e infecções respiratórias, como o novo coronavírus (Covid-19), têm potencial de multiplicação. O risco existe, principalmente, pelo fato de pessoas ficarem muito próximas durante horas, compartilhando equipamentos, documentos e outros materiais que podem alojar o vírus.
As recomendações das infectologistas Tânia Coelho e Christianne Takeda, do Hospital São José de Doenças Infecciosas, do Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), são importantes para serem adotadas no ambiente de trabalho.
“As recomendações são: em caso de gripe ou resfriado, ficar em casa. Também é importante lavar as mãos sempre que necessário e usar álcool em gel 70% , além de não dividir objetos de uso pessoal. É importante, ainda, evitar aperto de mãos, abraço e locais aglomerados. Quanto maior o número de pessoas próximas, mais chances há de transmissão viral”, explica Tânia Coelho, diretora técnica do Hospital São José de Doenças Infecciosas.

Medidas importantes

A recomendação atual do Ministério da Saúde (MS) é que empresas e instituições reforcem os cuidados para evitar a proliferação do Covid-19 entre funcionários, fornecedores e clientes. O órgão orienta que sejam disponibilizados locais para lavar as mãos, recipiente com álcool em gel 70% e toalhas de papel descartáveis.
Também é necessário ampliar a frequência de limpeza de pisos, corrimãos, maçanetas, e banheiros com álcool 70% e água sanitária. Outra dica é realizar reuniões virtuais, cancelar viagens não essenciais, fazer rodízios com os funcionários e permitir o trabalho remoto (home office). Além disso, funcionários doentes devem ficar afastados de suas atividades laborais.
“É importante que as superfícies como mesas, telefones e teclados sejam limpos regularmente. Reforçamos a lavagem regular das mãos com água e sabão. É uma ação básica, mas muito eficiente. Essa lavagem mata o vírus depois de usar transporte público, ao sair do banheiro e antes das refeições”, ressalta a infectologista Christianne Takeda.
“Com relação à higiene respiratória, a recomendação é usar lenço de papel no momento da tosse ou espirro. Dessa forma, é possível evitar a contaminação de terceiros. Ao usar lenço, descarte-o no lixo. Caso não tenha lenço, dobre o braço e utilize o antebraço ao tossir ou espirrar. Os hábitos impedem a propagação de vários vírus da gripe, com o Covid-19, H1N1, e a disseminação de outras viroses não respiratórias”, declara Christianne.

Contato com pessoas infectadas

Em caso de contato com pessoas infectadas, a orientação é prestar atenção aos sintomas de resfriado ou gripe. Se os sintomas surgirem, a recomendação é não ir ao trabalho e procurar uma unidade de saúde. Os sintomas do coronavírus podem se manifestar até 14 dias depois do último contato.
Febre alta, mal-estar intenso ou dificuldade para respirar exigem uma atenção especial. Os testes e o acompanhamento próximo de quem teve contato com os infectados são importantes para frear a transmissão local e diminuir a velocidade com a qual o vírus se espalha.
Assessoria de Comunicação da Sesa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2


Páginas