Valor da produção agrícola cearense cresceu 69,1% nos últimos quatro anos - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br



Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria




TV Portal

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Valor da produção agrícola cearense cresceu 69,1% nos últimos quatro anos

Fonte: CTB/Divulgação

A Produção Agrícola Municipal 2018 (PAM 2018), divulgada pelo Departamento de Agropecuária do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), indica crescimento do valor da produção de 69,1% nos últimos quatro anos do Ceará. O estudo aponta ainda o Ceará na terceira colocação entre os estados do Nordeste, com um aporte na economia de R$ 2,79 bilhão no período de doze meses. No período anterior, o aumento foi R$ 2,71 bilhão girando a partir da produção agrícola na economia do Estado.
O milho é um dos principais protagonistas da elevação do PAM 2018, com colheita de 470 mil toneladas. O produto foi responsável por 10,4% do valor da produção, registrando R$ 292 milhões. A produção de feijão também registrou alta, de 3,5%, em comparação a 2017; relativa à produção de 138 mil toneladas colhidas. As cidades de Guaraciaba do Norte, Tianguá, Redenção e São Benedito lideram a lista dos maiores produtores dentre os 184 municípios cearenses.
A região Noroeste do Estado foi a que mais contribui com a elevação no último período: R$ 628 milhões. Seguido do Norte, com R$ 184 milhões; Sul, R$ 178 milhões; Sertões, R$ 160 milhões; Vale do Jaguaribe, R$ 158 milhões; Centro-Sul, R$ 52,2 mil; e Grande Fortaleza, R$ 16,9 mil.
Para o Secretário do Desenvolvimento Agrário, Francisco De Assis Diniz, os números evidenciam o esforço do Governo do Ceará em apoiar a agricultura. “Foram mais de R$ 73 bilhões investidos em programas como o Hora de Plantar. Em média, o programa oferta sementes de alto valor genético a 115 mil agricultores oferecendo aos agricultores oportunidade de continuarem produzindo e permanecerem no campo”, destaca.
Iniciativas como do Programa de Aquisição de Alimentos também corroboram para os números positivos, aponta o gestor. “Adquirimos diretamente dos agricultores familiares 13,48 toneladas de alimentos, montante de R$ 43 milhões na economia dos municípios, além de através do Projeto São José III e do Paulo Freire apoiarmos projetos produtivos a mais de 140 mil pessoas, com aporte de R$ 85 milhões”.
Fonte: SDA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2

Páginas