Porteiras: Ematerce participa de Dia Especial sobre Revitalização do Algodão - Portal de Notícias CE

Portal de Notícias CE

www.portaldenoticiasce.com.br


Última Hora

Divulgação topo

Divulgação 1 Matéria




Web Rádio Portal de Notícias CE

TV Portal

terça-feira, 11 de junho de 2019

Porteiras: Ematerce participa de Dia Especial sobre Revitalização do Algodão

(Foto - Embrapa/Algodão)
A Ematerce, atendendo convite da Prefeitura de Porteiras-CE, por intermédio da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente e da Embrapa/Algodão, participará, no dia 13 de junho de 2019, de um Dia Especial do Projeto de Revitalização do Algodão naquele município. As ações da Ematerce, no tocante à revitalização do Algodão, são repassadas por seus técnicos, que orientam o preparo do solo, o plantio correto, os tratos culturais, a colheita, o armazenamento e a venda da produção para os mercados compradores.
A respeito da revitalização do Algodão, no Ceará, destaque-se que o Governo do Estado, por intermédio da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), da Ematerce e de outros órgãos, como a Embrapa, a Faec, a Fiec e as prefeituras municipais de Quixadá, Quixeramobim e de Senador Pompeu, em 2018, deram continuidade ao Projeto de Revitalização do Cultura do Algodão. O objetivo é incentivar os grandes, médios e agricultores familiares, que têm propriedades rurais, em regiões, potencialmente, produtoras de algodão, a voltarem a produzi-lo, usando novas técnicas e cultivares, que venham aumentar a produção e a produtividade da cultura e desempenhar, como antigamente, seu relevante papel na economia do Ceará.
Ressalte-se, ainda, acerca dessa cultura, outrora denominada “Ouro Branco”, que, em 2018, os órgãos convenentes implantaram 455,3 hectares de algodão, beneficiando 194 agricultores, mediante o uso de sementes, desenvolvidas pela Embrapa, o que incentivou os produtores rurais a obterem produtividade, que venha compensar os gastos de produção e a consequente obtenção de lucro. Por exemplo, em Senador Pompeu, foram assistidos 61 agricultores, com a implantação de 155,0 hectares; em Quixadá, 49 produtores com 60,5 hectares; e em Quixeramobim, 84 agricultores com 240,8 hectares. Importante frisar que essas áreas resultaram em uma produção de 573.678 quilos de algodão, com produtividade de 1.260 quilos por hectare, embora esta tenha sido abaixo do esperado, por causa da baixa pluviosidade da região.
Fonte: Ematerce

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Divulgação Matéria 2




Páginas